07/12/2015

Prêmio Plásticos em Revista 2015 é recebido pelo ITAL

A Secretaria de Agricultura e Abastecimento, por meio do Centro de Tecnologia de Embalagem (Cetea), do Instituto de Tecnologia de Alimentos (Ital) recebeu o prêmio “Plásticos em Revista”, da Editora Definição, por sua contribuição à excelência, inovação e dinamismo da Indústria de Plástico no Brasil. A cerimônia foi realizada no dia 24 de novembro em São Paulo.

O prêmio foi criado em 2003, com o objetivo de distinguir a excelência e as contribuições dadas ao setor por transformadores, distribuidores de matérias-primas, recicladores e fabricantes de máquinas nacionais e importadas, além dos profissionais que mais se destacaram na área petroquímica.

De acordo com o diretor da Revista, Hélio Helman, no Brasil, as propostas de desenvolvimentos, a melhoria das estruturas e a transposição das tendências internacionais para o consumo local só se comprovam convincentes quando passam pelo crivo do laboratório de embalagens plásticas do Cetea/Ital. “O Instituto da Secretaria de Agricultura e Abastecimento possui equipe técnica que é referência brasileira de excelência na pesquisa científica nessa área. Não há inovação na praça da qual esse time de analistas isentos e atualizados não tenha participado. Assim, de imediato, vale lembrar a introdução no país de coextrusados e laminados, ou então, de soluções para reduzir a espessura, aumentar o shelf-life, facilitar a reciclagem e reduzir os índices de perdas no transporte e nos pontos de venda”, disse.

A contribuição do Ital para a qualificação de profissionais nas áreas de materiais e transformação de embalagens são realizadas por meio de seminários e worshops ou publicações, como o livro “Requisitos de conservação de alimentos em embalagens flexíveis”, escrito pelas pesquisadoras Claire Sarantópoulos, Lea Mariza de Oliveira e Érica Canavesi.

O Secretário da Agricultura e Abastecimento, Arnaldo Jardim, destacou os trabalhos realizados pelo Ital contribuem para a disseminação de informações de extrema importância para a sociedade, meio ambiente, indústrias, setor acadêmico e a comunidade de científica do Estado de São Paulo e Brasil e o prêmio é um reconhecimento deste trabalho. “Ações como esta alinham-se às diretrizes estabelecidas pelo governador Geraldo Alckmin”, acrescentou o Secretário.