25/11/2015

Francisco Turra participa de curso promovido pelo Ital

O presidente da Associação Brasileira de Proteína Animal (Abpa), e ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (entre os anos de 1998 e 1999), Francisco Turra, participou do curso teórico-prático “Princípios do processamento de mortadela estável em temperatura ambiente e fundamentos do processo térmico”, promovido pela Secretaria de Agricultura e Abastecimento, por meio do Centro de Tecnologia de Carnes (CTC), do Instituto de Tecnologia de Alimentos (Ital), nos dias 18 e 19 de novembro de 2015, em Campinas. 

Turra destacou a importância dos trabalhos desenvolvidos pelo Instituto, contribuindo para que o Brasil se tornasse um dos maiores exportadores de produtos cárneos do mundo. “O ‘Brasil da Proteína Animal’ está funcionando, com uma balança comercial favorável. O agronegócio tem impulsionado a economia brasileira”, disse.

Nesse sentido, o Ital elaborou um projeto que estabeleceu novos padrões para a fabricação de mortadela, garantindo a saudabilidade do produto, contribuindo para o desenvolvimento do setor. “Este projeto é uma ação que traz benefícios para todos os brasileiros, pois eles passaram a consumir um alimento com maior qualidade e grande valor nutricional, atendendo as diretrizes do Governador Geraldo Alckmin”, disse o secretário de Agricultura e Abastecimento, Arnaldo Jardim. 

Durante a cerimônia de abertura do curso, o diretor-geral do Ital, Luis Madi, apresentou o projeto “Brasil Processed Food 2020” e enfatizou o trabalho da Pasta, em conjunto com entidades setoriais para o crescimento da agricultura do Estado de São Paulo e Brasil.