Pesquisa, Desenvolvimento, Inovação e Assistência Tecnológica

Certificação de processos térmicos convencionais e assépticos
conforme normas do FDA e IFTPS (Institute of Food Specialists)

Processos convencionais

Comissionamento de autoclaves conforme normas americanas do Food and Drug Administration (FDA) e testes de distribuição de calor, utilizando a metodologia descrita nos protocolos constantes no IFTPS (Institute of Food Thermal Process Specialists, http://www.iftps.org/protocols.html).

Processos assépticos

Avaliação do sistema asséptico, seguindo os protocolos do FDA onde são verificados e checados todos os procedimentos operacionais, registros de processo, procedimento de manuseio pós-processo, além da checagem do cálculo da letalidade (F0) dos produtos produzidos na referida linha, visando verificação da segurança alimentar dos mesmos.

Segurança alimentar de produtos autoclavados

Avaliada por estudos de penetração de calor que têm como objetivo verificar se o processo térmico aplicado é adequado para que o produto atinja sua esterilidade comercial, através do cálculo da letalidade térmica do processo (F0).

 

Avaliação do comportamento reológico e determinação de densidade
em alimentos fluidos e particulados visando dimensionamento de processos

Análises de caracterização reológica de fluidos para fins de dimensionamento de equipamentos de bombeamento e de trocadores de calor envolvendo fluidos líquidos, viscosos e particulados, levando em consideração as condições de processamento nas quais o produto é/será submetido.

Os relatórios fornecidos contemplam o estudo e avaliação do ajuste do modelo mais adequado para representar o comportamento de escoamento do fluido. Os resultados e parâmetros ajustados permitem a estimativa da viscosidade aparente do fluido em diferentes condições de taxa de bombeamento e temperaturas.

O reômetro e acessórios disponíveis no GEPC permitem a avaliação reológica em amplas faixas de taxa de deformação (1 a 1200 s-1) e de temperatura (10 a 85ºC)

 

Assistência tecnológica no desenvolvimento de produtos e processos

Planta piloto de engenharia

  • autoclave a vapor e elétrica
  • centrífuga
  • concentrador a vácuo
  • homogeinizador
  • tachos encamisados a pressão atmosférica e a vácuo
  • tanques de cozimento
  • spray dryer

Planta piloto de micro-ondas

  • fornos domésticos adaptados para aplicação simultânea de micro-ondas e ar quente
  • túnel piloto para processos contínuos e intermitentes
  • secador piloto rotativo contínuo para aplicação simultânea de micro-ondas e ar quente,
  • cavidade de micro-ondas de geometria prismática: permite o estudo da aplicação de micro-ondas em produtos sólidos particulados, em processos de secagem em leito fixo
  • leito fluidizado e pulso fluidizado
  • linhas de aplicação de micro-ondas em monomodo para produtos líquidos e pastosos em processos contínuos
  • sistema de medidas de constantes dielétricas complexas de líquidos e semi-sólidos em processos estáticos e contínuos