Laboratório de Embalagens Celulósicas

O LEC I conta com uma sala climatizada (23±1°C e 50±2%UR) de acordo com a norma NBR NM ISO 187. "Papel, cartão e pastas celulósicas – Atmosfera normalizada para condicionamento e ensaio e procedimento de controle da atmosfera e condicionamento das amostras (ABNT, 2000), para condicionamento das amostras e realização dos ensaios de avaliação das propriedades físico-mecânicas dos materiais celulósicos, uma vez que estas propriedades modificam-se dependendo da umidade relativa do ar e da temperatura.

O LEC II conta com equipamentos para corte e preparação das amostras para a realização de ensaios segundo as normas ABNT, TAPPI e ASTM.

Dentre os equipamentos disponíveis para avaliação das propriedades físico-mecânicas dos materiais celulósicos destacam-se:

MÁQUINA UNIVERSAL DE ENSAIO Instron, utilizada na determinação da resistência à tração, alongamento e energia absorvida na tração TEA de papéis; resistência à carga vertical de embalagens e avaliação do coeficiente de atrito de papel, cartão e papelão ondulado.

PRENSA DE COMPRESSÃO - O LEC possui prensa de compressão da Regmed (placa de deflexão), com acessórios para avaliação desde propriedades dos papéis que irão compor a estrutura do papelão ondulado (esmagamento de anel e concora) até a resistência da estrutura de papelão ondulado como compressão de coluna, esmagamento de onda e adesividade, parâmetros fundamentais para previsão do desempenho final da embalagem. Para o ensaio de resistência à compressão de coluna, o LEC também dispõe de um cortador pneumático para confecção dos corpos-de-prova.

ELMENDORF - Regmed - para avaliação da resistência ao rasgo de papéis, após este ter sido iniciado. A resistência ao rasgo é um excelente ensaio para determinar a qualidade das fibras e pode ser correlacionada ao conteúdo de reciclados.

RIGIDEZ TABER - Regmed - para avaliação da rigidez de cartão, propriedade relacionada ao seu desempenho em máquina e no sistema de distribuição e para avaliação da rigidez de rótulos de papel.

MULLEN - Lorentzen e Wettre - para avaliação da resistência ao arrebentamento de papelão ondulado. Esta correlacionado com a qualidade das capas.

MICRÔMETROS – Lorentzen & Wettre com pressões e áreas de contato específicas para determinação das espessuras de papéis, cartões e papelão ondulado.

RIGIDEZ EM FLEXÃO de 4 pontos da Lorentzen & Wettre. A rigidez em flexão está diretamente ligada à capacidade de sustentação das caixas, bem como se relaciona à capacidade da caixa de resistir à carga sem abaular os painéis.

SISTEMA DE COMPRESSÃO DINÂMICA E ESTÁTICA da Lansmont com capacidade de aplicação de cargas de até 2.200kgf com sistema de placas rígidas e flutuantes.

COMPRESSÃO SHORT SPAN da Lorentzen & Wettre para avaliação da resistência à compressão de papéis e cartões e previsão da resistência à compressão da chapa de papelão ondulado. É a forma tecnicamente melhor aceita para a medida da compressão real de papéis, pois reduz os efeitos do abaulamento e interferências operacionais.

Pesquisadores

ITAL - Instituto de Tecnologia de Alimentos | Av. Brasil, 2880, Campinas, SP - CEP 13070-178 - Caixa Postal 139 | Tel: 19 3743 1700 / Fax: 19 3743 1799 ital@ital.sp.gov.br